Home » Saúde » Doenças

A doença da Raiva

A raiva é uma doença incurável que se manifesta os mamíferos, ou seja, cães, gatos, bovinos ou até mesmo humanos. Saiba mais detalhes:

Cachorros e gatos

Você já deve ter escutado algo sobre animais com raiva, especificamente os cães, não é mesmo?

Quando éramos crianças, escutávamos a advertência dos pais: “cuidado, não mexe com o cachorro, ele pode estar com raiva e te morder.” Esta raiva que os pais falavam não é simplesmente uma alteração no humor do cão, a raiva é uma doença que acontece normalmente com os mamíferos, também é conhecida como hidrofobia.

Ela é causada por um vírus que invade os nervos periféricos e se espalha para o sistema nervoso central e depois para as glândulas salivares, onde se prolifera mais ainda. Esta doença pode afetar tanto animais quanto seres humanos.

Todos têm medo de um animal em feridas abertas, arranhões ou mucosas. A raiva não é somente preocupante em animais domésticos, mas também em animais silvestres como lobos, coiotes, raposas, morcegos e outros, o que gera grandes despesas para a saúde pública para controlar a doença, mesmo em lugares onde esta é considerada erradicada.

Continue lendo este texto e saiba mais sobre esta doença em cães, em humanos e em bovinos.

A doença da Raiva em cães

Raiva em cachorros

A raiva é mais conhecida nos cães, o vírus que traz a doença se instala e se espalha através da corrente sanguínea, o tempo de aparecimento dos sintomas é longo, de 3 semanas até 2 anos.

Os primeiros sintomas são óbvios, agressividade e perda do medo, o animal torna-se destemido e forte. Quando o vírus se espalha através do nervo, ele chega ao sistema nervoso central e causa encefalite e mais danos ao sistema nervoso depois atinge os outros órgãos pela corrente sanguínea.

Os cães apresentam os seguintes sintomas: agressividade, salivação excessiva, paralisia e mudanças de comportamento, aquele animal que abana o rabinho, te lambe e fica todo alegre quando você chega, dá lugar a cão depressivo e retraído. A raiva não tem cura, apenas vacinação para preveni-la.

A doença da Raiva humana

Médico examinando paciente

Os humanos também podem ser contaminados com o vírus da raiva, os sintomas começam a se manifestar entre 30 a 50 dias após o contágio, os sintomas são: depressão mental, paralisia de membros inferiores que se estende para todo o corpo, salivação intensa, mal estar, febre, contração dolorosa da garganta e do aparelho vocal.

O sistema nervoso do homem fica comprometido, se a doença não for tratada a tempo, pode levar à morte. O tratamento deve ser feito em hospital, dependendo do grau da doença, o pessoa deve ficar isolada, sedada e respirando por aparelhos, só receberá alta, depois que o vírus for completamente eliminado.

A doença da Raiva em bovinos

Bois

A doença da raiva em bovinos é uma ameaça para rebanhos, eles podem ser contaminados por outros animais, como a mordida de um morcego e isso representa grandes prejuízos para produtores rurais.

Muitos gados são perdidos devido à contaminação da doença, os sintomas iniciais são a apatia, isolamento, inapetência, corrimento nasal e lacrimejamento, com o avanço da doença, o animal te dificuldades para deglutir os alimentos, pois sua língua começa paralisar entre outros sintomas até chegar à asfixia e morte.

Nesse vídeo do Youtube você confere mais alguns detalhes sobre a doença da raiva:

Publicado por Juliane
Revisado em 28/09/2017

Compartilhar

Comentar com Facebook

Receba novidades

Comentar