Diferença entre poema, poesia e soneto

Os poemas, poesias e sonetos são antigos, porém até hoje as pessoas gostam de lê-los. Conheça a diferença entre essas modalidades.

Cecília MeirellesPor séculos e séculos as poesias, poemas e sonetos vêm atravessando a história, contando histórias e tornando-se o texto de bolso e objeto de estudo de muita gente.

Esses gêneros literários foram e são até hoje registrados por milhares de escritores, autores e poetas espalhados pelo Brasil e pelo mundo.

Muitos deles escreviam estes poemas como forma de protesto por conta da repressão artística e a censura, outras formas de protesto também são temas de vários poemas como, a violência contra mulheres, o amor não correspondido, a censura, o preconceito e machismo sobre as mulheres, assim como o amor platônico, a paixão entre casais, a revolta de trabalhadores entre tantos outros temas.

Mais sobre diferença entre poema, poesia e soneto

Até hoje estes temas são abordados nas poesias de escritores contemporâneos, embora as obras de autores mais antigos são as mais famosas que se eternizaram. Vinicius de Moraes, Carlos Drummond de Andrade, Cecília Meireles, Olavo Bilac, Manuel Bandeira, Cora Coralina e mais outros nomes que marcaram o poema, a poesia e o soneto no Brasil. Mas existe uma diferença entre esses tipos, saiba aqui o que é exatamente cada uma dessas modalidades e suas diferenças.

O que é poema

Manuel Bandeira 2O poema é um gênero literário escrito em versos, que são as linhas, seguindo sempre um ritmo silábico, que é o ritmo das sílabas, a entonação com as quais elas devem der lidas.

A diferença do poema para a poesia é mínima, um poema não tem a intenção de expressar o belo, a arte e o sentimentalismo.

O poema pode ser considerado uma obra de poesia, e usa como elemento principal a palavra.

Na prática muita gente confunde o poema com a poesia, até mesmo estudiosos da área relatam que os dois são uma coisa só, isso se dá por causa da diferença entre os dois que é bem pequena, fácil de confundir.

O que é poesia

Carlos Drummond de Andrade

A poesia, assim como o poema é constituída de versos, segue um determinado ritmo silábico e pode ser encontrada em outras formas além da escrita, a música pode ter poesia, um quadro, paisagens e objetos.

A diferença da poesia e o poema é que a poesia tem a intenção da beleza, de mostrar o belo através do texto, a poesia pode estar presente no poema, aliás, ela sempre é um poema, mas um poema nem sempre é uma poesia.

Por exemplo, a poesia Amar de Carlos Drummond de Andrade, ao escrevê-la o autor queria que as pessoas achassem bonito, esta aí a intenção do belo.

O que é soneto

Soneto da separaçãoPor sua vez, o soneto também é um poema ou poesia, mas este deve seguir uma regra básica.

O soneto precisa ter apenas quatro estrofes, as quais a primeira e a segunda sejam quartetos, ou seja, tenham quatro versos, e a terceira e quarta estrofes sejam tercetos, sendo escrita com três versos cada uma.

Nos poemas e poesias não necessariamente tem que rimar, a maioria rima, mas isso vai de cada autor, no caso do soneto a rima clássica é ABBA, ABBA, CDC,DCD, um dos sonetos mais famosos é o Soneto da Separação de Vinícius de Moraes.

Saiba mais sobre poema, poesia e soneto:

 

23/10/13 por Juliane

   

Mais informações por email

Comentar