Amor nos tempos do Tinder

Para os solteiros de plantão, encontrar o amor pode estar ao alcance de suas mãos – literalmente. Tudo com a ajuda do Tinder.

A busca por amor está ficando cada vez mais complicada. É muita gente querendo amor e pouca gente querendo amar. Porém, para unir os corações já partidos em outros tempos e cansados de tanto mimimi, uma ajuda da tecnologia e do inseparável smartphone o amor – ou uma aventura – pode estar apenas a um like de distância.

Tinderella

Para quem não conhece o Tinder, ele pode ser a solução de muitos problemas. Seja uma saidinha discreta no fim de semana, seja para conhecer pessoas interessantes ou ainda quem sabe o amor da sua vida. Se você ainda não entendeu muito bem o funcionamento da coisa toda, calma que vamos explicar.

Mais sobre amor nos tempos do Tinder

Tinder, o que é? Como funciona?

Um aplicativo disponível para Android, iOS e uma versão para o Windows Phone. Sua função é simples: ajudar as pessoas a se conhecerem, já que o mundo está cheio de redes sociais para as pessoas manterem contato, o app serve para facilitar a criação de novos laços – amorosos ou apenas amigos.

Tinder

Para irmos direto ao ponto – sobre amor e casos indefinidos – se você ainda não sabe ou não entendeu como é o funcionamento do aplicativo, confira o artigo Tinder como funciona no Blog Tec.

Mas será que o Tinder rola mesmo?

Vamos ao ponto que interessa, o Tinder funciona mesmo?

No celular no metrô

É preciso levar em conta o interesse do usuário. Alguns já dizem a que vieram (até mesmo na descrição) se é uma noite, uma semana ou uma vida inteira. Outros acabam mudando de opinião com uma combinação em especial. Está confuso? Vamos organizar e deixar isso mais claro ainda. Para quem quer encontros de uma noite ou fim de semana e rolar uma combinação que também procure isso, sim, o Tinder funciona. Se você busca um relacionamento sério e combinar com alguém que também busque, sim, o Tinder funciona.

Mas em tempos em que o amor está se escondendo cada vez mais, o Tinder pode ser um tanto perigoso. Quem usa o app sabe o risco que corre: se apaixonar por alguém que quer uma noite apenas – ou não.

Love me TinderSobre encontrar o amor, mas o amor mesmo, no aplicativo, uns acham um tanto comum outros ainda pensam que pode ser uma fria. Porém o Tinder e outras redes como o Facebook e o WhatsApp são ferramentas – bem úteis – para manter o contato. O amor não vem à primeira vista, ele vem com o tempo e com boas conversas com alguém interessante não é nada difícil se apaixonar.

Aliás cada um escolhe com quem irá conversar, e o coração por quem se apaixonar.

Mas quando falamos de amor mesmo, os corações escolhem juntos. E quando isso acontece, seja no Tinder, no barzinho, na igreja, não tem o que segure uma paixão.

Tinder, febre ou fria?

Como nem tudo são flores – ou amores – o Tinder também pode acabar sendo uma fria. Você até conhece pessoas legais, porém enquanto você quer algo sério e duradouro e sua combinação quer somente mais um like, o app não parece funcionar tão bem assim.

Tinder combinação

Para evitar o fora ou mais uma desilusão amorosa a dica é usar o aplicativo com moderação. Aproveite, dê seus likes e capriche em suas fotos e claro na descrição. Mas o que faz toda a diferença mesmo é a conversa, então seja uma pessoa interessante e de bom papo. Nada de somente um “Oi, tudo bem? Onde você mora?” e claro, fique atento quanto às intenções e evite crises.

Seja para o amor ou uma noite, o Tinder é um aplicativo que pode salvar muitos corações perdidos.

Saiba mais sobre aplicativos e redes sociais:

08/01/15 por Ananda Morales

   

Mais informações por email

Comentar